quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

Cruzes!!!

O crucifixo nos tribunais anula sua validade e credibilidade. Se o réu vai ser julgado à luz de uma religião especial coloca os réus dependentes dessa visão de mundo específica. Mais ou menos julgamentos indianos que juntam conforme o hinduísmo ou tribunais árabes que julgam conforme a sharia que considera mulheres seres inferiores - isso faz profunda injustiça quanto à mulheres. Tribunal tendencioso não é tribunal ê grupo de linchamento.

Papa Xico: “homossexualismo e pedofilia são coisas diferentes “ Tão tá.